Como pagar o INSS como autônomo – Valor, Tabela 

O INSS para autônomo 

 

A maior parte dos empregados brasileiros sabem que o benefício do INSS é disponibilizado automaticamente para o trabalhador de carteira assinada, mas saibam que o trabalhador autônomo também pode pagar o INSS, apenas é necessário que este siga algumas regras importantes sobre este benefício para que não acabe sendo prejudicado em nenhum momento.  

como-funciona-o-inss-para-autônomo 2019

E bom avisar desde já que o prestador de serviços autônomos também vai receber todos os benefícios previstos pela Previdência Social, por conta disso é uma boa escolha ser autônomo e pagar o INSS dentro dos prazos corretos e pelo valor adequado, afinal a sua contribuição pelo INSS vai garantir uma aposentadoria mais segura para você e para a sua família.  

É importante dizer que para pagar o INSS como autônomo você vai precisar conhecer os tipos de contribuição que você poderá realizar, conhecer a tabela de contribuição do INSS para autônomos e entender também um pouco sobre as novas regras do INS.  

Vale avisar que os valores do INSS para autônomos podem parecer um pouco caro, mas isso acontece por que é uma responsabilidade sua e você deverá arcar com isso sozinho, diferente daqueles que trabalham de carteira assinada, já que é a própria empresa a responsável por recolher estes valores e enviar para o INSS.  

Podemos ainda informar que os benefícios do INSS também vão estar disponíveis para você, porém para que você faça uso deles será necessário que você se apresente diretamente a agência do INSS levando os documentos que comprovem sua contribuição e seus documentos pessoais.  

A Tabela do INSS para Autônomo 

Uma coisa muito importante que você precisa saber sobre o pagamento do INSS como autônomo é a própria tabela de contribuição do INSS para autônomos, já que será através dela que você vai saber o quanto deve contribuir de acordo com seu salário ou apenas poderá utilizá-la para decidir qual será o tipo de contribuição que você vai preferir.  

Lembrando que o valor escolhido para a contribuição do INSS do autônomo deverá ser pago todos os meses durante o tempo determinado pelas Regras do INSS, esse pagamento deverá ser efetuado até o 15° dia útil do mês. Também avisando que o valor de sua contribuição ao INSS vai determinar o quanto você vai receber no futuro em sua aposentadoria.  

Salário da Contribuição  Alíquota  Valor da Contribuição 
R$937,00  5% (Não vai possuir direito a Aposentadoria por Tempo de Contribuição/Plano Simplificado Baixa Renda)  R$47,85 
R$937,00  11% (Não vai ter direito a Aposentadoria por Tempo de Contribuição/Plano Simplificado Geral)  R$104,94 
R$937,00 até R$5.531,31  20% (Plano Normal)  De R$190,80 (Teto Mínimo) até R$1.129,16 (Teto Máximo) 

 

Como podemos perceber cada um vai possuir direito de buscar a melhor categoria de contribuição para o INSS como autônomo que achar melhor de acordo com suas condições, por causa disso sugerimos que você pesquise um pouco antes de se decidir, podendo até mesmo ir em uma agência do INSS ou ligando para a Central de Atendimento da Previdência Social, o número é 135.  

valor-do-inss-para-autônomo-600x337 2019

Dizemos isso para que você esteja bastante ciente do que planeja fazer, afinal de contas quando chegar à época de sua aposentadoria você vai possuir uma garantia de aposentadoria tranquila já que contribuiu para o INSS como autônomo. E nem apenas isso, vai poder também poder receber o auxílio-doença, salário-maternidade e muitos outros benefícios da própria Previdência Social.  

É muito importante informar que se você receber uma renumeração similar ao 13° salário este valor não deve ser somado a sua contribuição, porém será possível calcular com a alíquota de forma separada.  

Como solicitar o INSS para autônomo 

Agora que você já sabe sobre a tabela e o valor de sua contribuição é importante saber como você poderá dar entrada no INSS para autônomo, mas para isso você não vai precisar se preocupar muito, basta que vá até uma agência do INSS levando consigo seus documentos e uma comprovação de renda (alguns extratos bancários poderão ser uteis) e então informar que você deseja solicitar o INSS para autônomos. 

É capaz que nesta visita aquele que for te atender informar todos os benefícios, valores e explicar a você como vai ser efetuado esta conta na Previdência Social, se possível tire todas as suas dúvidas naquele momento para não levar questões importantes para a casa.  

Uma vez que tudo estiver acertado você poderá então contribuir para o INSS como autônomo, você deve compreender que quando for necessário utilizar um dos benefícios do INSS – auxílio-maternidade ou doença, por exemplo – você deverá apresentar os carnes que comprovem sua contribuição e deverá ir diretamente a agência.  

pagando-a-previdência-social-como-autônomo 2019

Outro detalhe importante é que você não poderá confundir o INSS para autônomos da Previdência Social com a aposentadoria pela Previdência Privada, já que esta é feita de forma um pouco diferente e é algo dos bancos, podemos avisar que esta Previdência Privada poderá ser feita até mesmo por aqueles que já possuem o INSS.  

Mais Inscrições e Cadastros em 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *