Cadastro Anvisa – Viajante, Vacinas, Febre Amarela

Vacinas para viajantes

 

A Anvisa é a Agência Nacional de Vigilância Sanitária, um dos órgãos vinculados ao Ministério da Saúde, e por esta vinculada ao Ministério da Saúde é por meio dela que os viajantes conseguem o Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia, também conhecido como CIVP.

cadastro-anvisa 2019

Esse certificado é muito importante para todos aqueles que desejam viajar para o exterior, já que com a devida vacinação você vai estar se prevenindo contra doenças que poderão ser encontradas no exterior, principalmente a febra amarela.

Saiba também que a Anvisa também vai disponibilizar ao viajante informações para proteger sua saúde durante sua estadia no local, essas informações são dadas nos Centros de Orientações ao Viajante da Anvisa, avisamos também que estes são os únicos postos credenciados para a emissão do CIVP.

É bom também informar que a Anvisa possui uma lista de informação e orientação emitidas especialmente para o país que você deseja ter como destino, além de outras informações gerais sobre saúde e segurança, então se você deseja fazer uma viajem segura saiba que esse certificado é indispensável para você e também para a seu acompanhante, seja família ou amigos.

Apenas devemos avisar que esse Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia é obrigatório em diversos países, afinal serve para comprovar a sua vacinação contra a febre amarela.

Certificado CIVP contra Febre Amarela

É bom dizer que apenas as pessoas que estão viajando para os locais que pedem a vacinação é que realmente precisam desse certificado, caso você não está indo para um local assim você estará livre de conseguir ou não o CIVP da Anvisa.

Então se você precisa emitir o CIVP da Anvisa para comprovar a vacinação contra Febre Amarela saiba que você poderá conseguir essas orientações através do site oficial da Anvisa, ali você vai ser informado que a vacinação contra a febre amarela deve ser tomada 10 dias antes da viagem – de preferência, ela será distribuída de forma gratuita num ponto de atendimento do SUS ou em alguma instituição privada que seja credenciada.

Após sua vacinação você deverá ir realizar um pré-cadastro na SISPAFRA, para isso vá até a página da Anvisa para viajantes e ali procure a opção “Cadastrar Novo” ou “Cadastro”. Esse pré-cadastro é gratuito e deverá ser feito online, uma vez concluído você então poderá se dirigir para os Centros de Orientação do Viajante para concluir seu cadastramento.

É valido informar que sua visita ao COV (Centros de Orientação do Viajante) será agendada no site após a conclusão – ou durante – de seu pré-cadastro Anvisa, por esse motivo informe com cuidado seus dados pessoais e todos os demais campos ali solicitados. Dessa forma podemos avisar que esse cadastramento da Anvisa online é totalmente obrigatório.

vacinação-contra-febre-amarela-para-viajantes-600x400 2019

Quando chegar o dia agendado você deverá ir pessoalmente ao estabelecimento para emitir o CIVP, esse certificado de vacinação desse ser emitido a partir da assinatura do viajante. Não se esquecendo de levar no dia os seguintes documentos:

  • Cartão Nacional de Vacinação;
  • Documento de Identidade original e com foto;

Compreenda que seu Cartão Nacional de Vacinação deve estar corretamente preenchido e os documentos de identificação que podem ser aceitos é a RG, Carteira Nacional de Habilitação (CNH), o seu Passaporte e outros documentos.

Caso você seja menor de idade então será necessário a presença de sua Certidão de Nascimento, avisamos também que crianças e adolescentes menores que 18 anos não precisam comparecer no COV, já que seus pais ou responsáveis podem preencher essas informações para eles.

Segunda via do CIVP da Anvisa

Em alguns casos, quando o brasileiro está no exterior e precisa emitir novamente o CIVP da Anvisa, a forma de realização dessa segunda via é feita através do consulado brasileiro, lá você deve informar seus dados pessoais e então o consulado vai enviar em formato de e-mail eletrônico a sua solicitação para o campo da Anvisa responsável pela emissão do CIVP.

Dessa forma a equipe da Anvisa vai identificar o viajante cadastrado na SISPAFRA e então gerar a 2° via do CIVP da Anvisa, ele será enviado por e-mail ao consulado respondendo assim a solicitação do mesmo.

Após isso será de responsabilidade do consulado a emissão do documento, o carimbo e assinatura e também a entrega ao viajante que solicitou o documento.

Apenas devemos avisar que se a pessoa possui algum problema de saúde que a impede de ser vacinada contra a febre amarela deverá então procurar o profissional médico responsável pelo seu caso e solicitar um atestado de isenção da vacinação em inglês ou em francês.

emissão-do-civp 2019

É bom informar que a própria Anvisa disponibiliza um modelo de atestado de isenção da vacina contra Febre Amarela em seu portal do viajante, é claro que outros modelos ainda poderão ser utilizados, mas todos devem conter as mesmas informações apresentadas no modelo da Anvisa.

Mais Inscrições e Cadastros em 2019

2 comentários em “Cadastro Anvisa – Viajante, Vacinas, Febre Amarela

  1. estamos querendo ir com toda a família para o Paraguai, qual documentação a anvisa precisa?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *